AO VIVO

Paraíba amplia vacinação contra HPV para usuários da Profilaxia Pré-Exposição com idade de 15 a 45 anos

A Secretaria de Estado da Saúde (SES), por meio da Gerência Executiva de Vigilância em Saúde e do Núcleo Estadual de Imunizações, ampliou a vacinação contra o Papilomavírus Humano (HPV) para pessoas de 15 a 45 anos de idade que fazem uso da Profilaxia Pré-Exposição (PrEP) ao HIV. A medida atende à recomendação do Ministério da Saúde que, conforme nota publicada na última quarta-feira (3), incluiu o novo grupo prioritário no Plano Nacional de Imunizações (PNI), e tem como objetivo fortalecer a prevenção e o tratamento de infecções sexualmente transmissíveis (ISTs) e cânceres associados ao vírus do HPV em toda a Paraíba.

De acordo com a coordenadora do Núcleo Estadual de Imunizações, Márcia Mayara, os 223 municípios já estão aptos para a aplicação da vacina, recomendada e disponibilizada gratuitamente pelo Sistema Único de Saúde. “A vacina contra o HPV encontra-se disponível em todas as salas de vacina dos municípios, e também está disponível no Centro de Referência para Imuniobiológicos Especiais (Crie) de João Pessoa”, ressaltou Márcia Mayara. Os usuários de Prep, além desses serviços, também podem procurar o Centro de Testagem e Aconselhamento (CTA) em ISTs, que funciona em Jaguaribe, em João Pessoa, e em Campina Grande no Serviço de Assistência Especializada (SAE), para terem acesso ao imunizante.

“A vacina HPV4 é quadrivalente, protege contra os quatro tipos de agravo (6, 11, 16 e 18) e previne as principais complicações do HPV”, ressalta Márcia Mayara. A coordenadora do Núcleo Estadual de Imunizações também destaca que, para ter acesso à vacina, “o usuário deverá apresentar qualquer documento que comprove o uso de PrEP, como prescrição do medicamento, cartão de seguimento, e prescrição médica do imunizante”.

Além do novo público-alvo, o grupo prioritário para a vacina contra o HPV também abrange:

– crianças e adolescentes com idade entre 9 e 14 anos, no esquema de dose única;

– indivíduos imunocomprometidos de 9 a 45 anos (pessoas vivendo com HIV e Aids -PVHA, pacientes oncológicos e transplantados): com  esquema de três doses independentemente da idade, aplicadas aos 0  – 2 – 6 meses de vida, sendo a segunda dose dois meses após a primeira e a terceira 6 meses após a primeira dose);

– pessoas de 15 a 45 anos de idade imunocompetentes vítimas de  violência sexual: com esquema de 2 doses para os de 9 a 14 anos (0-  6 meses) e 3 doses para os de 15 a 45 anos, aplicadas aos 0 – 2 – 6  meses, sendo a segunda dose dois meses após a primeira e a terceira 6 meses  após a primeira dose.

– pessoas com papilomatose respiratória recorrente (PRR), a partir dos 2 anos de idade, no esquema vacinal de três doses.

HPV – O Papilomavírus Humano é uma infecção sexualmente transmissível (IST) e está associada a verrugas nos órgãos genitais e ao desenvolvimento de câncer de colo do útero, vulva, pênis, anus e orofaringe. Além da transmissão sexual, o vírus também pode ser passado por contato direto com a pele ou mucosa infectada, podendo ocorrer mesmo com a ausência de penetração (vaginal ou anal).

A profilaxia pré-exposição (PrEP) ao HIV consiste no uso de medicamentos antirretrovirais de modo que, caso haja exposição ao vírus HIV, a pessoa já esteja protegida.

 

 

Foto: Governo Federal

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Postagens relacionadas

Contato

departamento comercial

(83) 99891 - 1069
(83) 99979 - 7945

Sobre nós

Em 3 de Abril de 1982, um sabado á tarde, foi inaugurada em Pombal – PB foi inalgura a primeira estação de radiofusão convencional…

Veja completo