Hospital Albert Einstein processa ator Zé de Abreu por danos morais

Written by on 22 de março de 2019

O ator Zé de Abreu está sendo processado pelo Hospital Albert Einstein e pede uma indenização por danos morais.

Ao atacar o governo de Bolsonaro em sua conta no Twitter, chegou a dizer que o hospital seria cúmplice do presidente eleito no caso da facada.

“Teremos um governo repressor, cuja eleição foi decidida numa facada elaborada pelo Mossad, com apoio do Hospital Albert Einstein, comprovada pela vinda do PM israelense, o matador e corrupto Bibi. A união entre a igreja evangélica e o governo israelense vai dar merda”, escreveu.

No processo, Zé de Abreu é acusado de difamação, ofensa e antissemitismo, entre outras  medidas.

“Tudo isso é delírio, dir-se-á. O réu seria simplesmente alguém carente de discernimento, um deficiente mental, para usar a terminologia da lei civil”, diz o texto da ação do Einstein.

 

Fonte: MaisPB


Reader's opinions

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *


Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.


Current track

Title

Artist