Cientistas anunciam cura do HIV em uma mulher

Written by on 16 de fevereiro de 2022

Uma paciente norte-americana com leucemia se tornou a primeira mulher e a terceira pessoa a ser curada do HIV depois de receber um transplante de células-tronco de um doador que era naturalmente resistente ao vírus que causa a Aids, afirmaram pesquisadores nessa terça-feira (15).

A mulher recebeu o sangue do cordão umbilical para tratar sua leucemia mieloide aguda —um câncer que começa nas células formadoras de sangue na medula óssea— e desde então está em remissão e livre do vírus há 14 meses, sem a necessidade de tratamentos potentes para o HIV, conhecidos como terapia antirretroviral.

O caso de uma mulher de meia-idade, apresentado na Conferência sobre Retrovírus e Infecções Oportunistas em Denver, também é o primeiro envolvendo sangue de cordão umbilical, uma nova abordagem que pode tornar o tratamento disponível para mais pessoas. AS duas situações anteriores ocorreram em homens —um branco e um latino— que receberam células-tronco adultas, que são mais frequentemente usadas em transplantes de medula óssea.

Todos os casos ainda estão em acompanhamento.

 

Fonte: MaisPB


Reader's opinions

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *


Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.


Current track

Title

Artist