Câncer de mama: ONG cobra apoio a mulheres

Written by on 2 de outubro de 2019

A organização não governamental ‘Amigos do Peito’ cobrou, na manhã de ontem, terça-feira (1), mais atenção para o diagnóstico precoce e apoio as mulheres que descobrem câncer de mama na Paraíba.

Durante lançamento de campanha em alusão início do ‘Outubro Rosa’, a presidente da instituição, a mastologista Joana Barros, alertou para o aumento das chances de cura se a doença for detectada com mais agilidade.

“O tempo é cura. Quando mais rápido se faz um diagnostico, maior é a chance de cura. O número de casos aumenta no país, não temos como alterar isso, mas temos como alterar a mortalidade com o diagnóstico precoce que é feito através de um rastreamento mamográfico”, destacou a médica.

De acordo com a especialista, além da descoberta da doença, também é preciso que se dê o apoio necessário para que as mulheres consigam continuar o acompanhamento médico.

“Isso precisa fazer feito com qualidade e responsabilidade e sabendo o próximo passo. Não adianta encontrar e não dá seguimento, que é o que está acontecendo algumas vezes.  Ao Invés dessa cobertura mamográfica esta sendo ampliada e qualificada, ela vem sendo reduzida e  desqualificada”, finalizou.

Diagnosticada com câncer de mama, Edilene Freitas, fez o tratamento e agora integra a campanha.  De acordo com ela, é preciso dá força para as pessoas que descobrem a doença.

“Eu descobri faz seis anos um nódulo no seio esquerdo. Fiz tratamento e passei por três procedimentos cirúrgicos e agora está tudo bem comigo. Graças a Deus eu conheci esse pessoal da ONG e hoje estou participando e ajudando a quem precisa. Dando força para que as pessoas não possam desistir e tendo fé que tem cura”, afirmou.

  MaisPB

 


Reader's opinions

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *


Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.


Current track

Title

Artist